Luna a criadora do mindim

CARTILHA

CARTILHA
solicite, também em Livros de Luna Di Primo clic na imagem

Pensador

Pesquisar este blog

acompanhe por email

GRATIDÃO A TODOS QUE PARTICIPAM DA MINHA VIDA

Aqui, duas vidas se misturam e se separam ao mesmo tempo: nasci uma pessoa, apenas, e assim segui até que a escritora poetisa apareceu e se assumiu, sentou e assentou-se, tomou o seu lugar. Daí para hoje tantas águas nos banharam. Águas frescas, quentes, mornas ou pelando corpo e alma; águas frias, gélidas a nos levar à hipotermia. E assim caminhamos por estradas tantas e de tantos pisos como terra batida, terra fofa, cascalhos, pedras, piche, lama e tantos outros trechos. Quero deixar aqui minha sempre gratidão a todos que participam dessa história com visitas de tantos países, de tantos lugares, aos meus blogues. Obrigada pelas estimadas presenças. Prosperidade, amor, paz e alegria a todos, é meu desejo!

TUDO TEM SUA HORA




Mesmas cantarolas chegam
Daquele rincão perdido
A verdade sempre negam
Sem ter o dever cumprido
Camuflam realidade
Protegem gente bandida
Crucificam os da lida
É muita perversidade

Como Sodoma e Gomorra
Como a torre de babel
Em pouco tempo que morra
Que queime como papel
Desajuste do humano
Apóia só coisa à toa
Na destruição da pessoa
É um erro sem tamanho

Mas, vista que tudo vê
La de cima a olhar
Gente perversa e fuzuê
Tudo isso vai acabar
A destruição é eminente
Desses tipos do inferno
Seu sofrer será eterno
A dor lhe será crescente

Por lágrima a derramar
Terá o sal de alimento
Pra fome que assolar
E pra dor e sofrimento
E também o seu ungüento
Terá no sal o remédio
Pra seu consumir de tédio
Perfeito medicamento

Jamais se brinca de Deus
Só existe um criador
E quiçá todos os seus
Venham sentir toda a dor
Do pagar de tanta farra
De perseguir por enredo
De apontar o seu dedo
E das mentiras que amarra

E esse rincão vai ferver
Nos males de todo o tempo
Ser cúmplice por saber
De tudo nesse trastempo
De cada cobra acoitar
De meliante sarnento
Prova de veneno lento
E por isso irá pagar

11dez2011


Arquivo do blog

Agua límpida @ Fonte abençoada @ Luz e Paz eu bebo


clique na imagem para ver

POSSO NÃO SER GRANDE MAS ESTOU ENTRE ELES

POSSO NÃO SER GRANDE MAS ESTOU ENTRE ELES.